15.8.07

tudo igual, tudo diferente...

Certa vez fiz a reforma de um pequeno prédio de quatro andares no centro da cidade, numa rua onde as fachadas devem ser preservadas – não é permitido modificá-las.
Cada detalhe deve ser mantido, inclusive suas cores originais.
Assim fizemos: nada mudamos na fachada e, olhando só por fora, ninguém poderia imaginar a parte interna: tudo novo, nada parecido com o que existia. (na parte interna é permitido fazer alterações)
O “miolo” do prédio foi todo retirado e andares em estrutura metálica foram feitos.
Por fora, tudo igual.
Por dentro, tudo diferente.
Nunca entendi tão bem “as aparências enganam” como quando terminei aquela obra!
um perigo...
beijos,
Alê

7 comentários:

Eliana Arndt Machado disse...

Bom Dia, Alê
Está ótimo teu post. Grande verdade.
Deixo-lhe esta frase: Não é o hábito que faz o monge e sim os hábitos que Ele tem.
Por isso só Deus pode nos julgar, mais ninguém.
Uma vez ouvi de uma colega de trabalho esta insinuação pra mim: "Deus tá vendo" e eu rapidamente respondi: Graças a Deus, que Ele está vendo ficaria muito triste se Ele não visse.
A nossa consciência é o nosso melhor Guia e o nosso melhor travesseiro.
Um abençoado dia pra todos,
Fiquem com Deus,
Felicidades,

Marlene Maravilha disse...

Sim, esta é uma grande verdade que deveria nos dá temor!
beijos

Cris disse...

Raça de víboras, hipócritas... estes e outros adjetivos Jesus usava para descrever os fariseus que aparentavam um interior santo com suas fachadas de conhecimento e santidade.
Como me incomodam os santarrões que com voz calma e melosa desfilam sua suposta superioridade espiritual! Ou os que, sempre cansados e a se lamentar, valorizam o sacrifício diário de suas vidas. E pior, os que “nascidos em lar cristão”, estão sempre a lembrar sua genealogia de crentes.
Fachadas que escondem pessoas como todos nos, pecadores a lutar contra nossa própria natureza.

Lou Mello disse...

A moda fashion de hoje está na contramão de seu texto. Muda-se toda a fachada e o resultado é: Por fora, bela viola e por dentro, pão bolorento. Será que existe algum tipo de mudança interior total e eterna? :)

Ghernandes disse...

Problema sério viver de aparencia
só Jesus para "transformar interiores "
Deus abençoe

Cristina disse...

É bem verdade o que dizes!
As aparências iludem: igual por fora, sem fazer suspeitar sequer que o seu interior não é já o mesmo... Estejamos alerta!
Mas por vezes devemos também estar alerta no sentido oposto: igual por fora, a parência permanece a mesma, mas no interior há uma renovação que liberta. Neste caso que a fachada não nos impeça de amar a mudança...
Acho que vale apena pensar nisso.
Obrigada por este post maravilhoso que me conduziu à reflexão.
Beijos & Bençãos.

Laíssa disse...

eu quero ser tão igual por fora qto eu sou por dentro..
e espero que as pessoas que eu ame tb sejam assim..
:* beijocas