26.2.07

óculos quebrados


Eu ainda era adolescente, não lembro quantos anos tinha.
Estávamos atrás do palco, na igreja, esperando a hora de entrar na peça que já havia começado.
Eu tinha um papel na peça, não lembro que peça era nem que personagem era o meu (calma, alguma coisa da história eu lembro... :) :) ).
Então aconteceu: do nada meu óculos quebrou!
Míope, nem sei descrever como fiquei. Meu coração parecia querer saltar pela boca e a sensação era aquela de susto dos grandes!
Como eu enxergaria as pessoas? As coisas no palco? Os outros personagens?
Mal esbocei na mente estas dúvidas, era minha vez de entrar. Subi os degrauzinhos e fui.
Então aconteceu: as batidas do meu coração voltaram ao normal e a sensação de susto sumiu por completo.
A calma me envolveu como um edredom fofinho em dia de frio!
Saí do palco vendo tudo embaçado, catando os óculos partidos escondidos num cantinho da sala.
Estava cheia de paz.
Nossa “missão” ali era adorar o Pai.
E eu tinha feito isso...sem ver direito nada nem ninguém.
Mas não havia problema - afinal,
Era só para Ele!
Beijos,
Alê

15 comentários:

Eliana Machado disse...

Bom Dia, Alê
Lindo testemunho. Amei!
Um abençoado dia pra todos vocês,
Felicidades,
Bjs.

Lai disse...

Engraçado!! É assim que Deus nos quer: sem "enxergar" nada / com nossos olhos...
depois então...passamos a "enxergar" tudo com os olhos d'Ele!! e tudo fica muito melhor...

beijos
Lai

Anita disse...

Minha querida Alê, bom dia. Bonito texto. Grande ensinamento.
Uma óptima semana muito abençoada para vocês.
Beijinhos,
Anita (amor fraternal)

"Deus nos ajude se o nosso mundo escurecer; e se não houver modo de ver ou saber.
Que Ele nos dê a coragem e confiança de tocar e ser tocados.
De encontrar o nossso caminho adiante, através do conhecimento".

**C@tuli-> disse...

Bom dia Alê!
Já dizia Saint-Exupéry: "Só se vê bem com o coração; o essencial é invisível aos olhos".
Linda e abençoada semana pra você!
Beijos

Fernanda disse...

Bom dia Alê,
se a Jane não tivesse citado Saint-Exupéry, eu o faria agora, pois é uma das minhas frases preferidas.
No entanto, lembro-me de outra, igualmente profunda: "Benditos os que crêem sem ver".
Boa semana!
Beijos.

Lou Mello disse...

Também acho importante você ter subido, mesmo sem os óculos. Deus deve ter dado cambalhotas de alegria com sua fé.

Bárbara disse...

Ás vezes nós esquecemos que não precisamos nos importar tanto com o que os outros pensam, porque o único pensamento que importa é o dEle. Talvez por isso muitas vezes coisas saem errado em apresentações de igreja, porque as pessoas perdem o foco.
Espero estar me focando na coisa certa sempre.
Te amo Alê!!!


P.S. Essa é a vantagem das lentes de contato!

Nelidia disse...

Também tive uma experiência parecida na minha adolescência! Na cantata de natal, eu interpretaria Maria, mãe de Jesus e tinha dois solos pra fazer... e aí quase na hora de entrar, alguem me disse que tinha umas 12000 pessoas para assistir e que a galeria da igreja já estava lotada... então nesse momento travei. Não queria mais ir e não tinha forças pois me sentia impotente. Foi aí que pedi a Deus que me desse forças pois eu estava alí unicamente pra agradá-lo! Foi como um cobertor me abraçando tb! E graças a Deus foi tudo bem!
Bjim

ana foguinho desde sampa disse...

estou passando sempre por aqui! mas não tenho muito tempo pra comentar! e o que eu comento vc naum recebe IAHuiahiua

acho que às vezes, o Senhor quebra nossos óculos de propósito pra nos lembrar do verdadeiro próposito das coisas que fazemos pra Ele... pra gente voltar à adorá-lo pura e simplesmente! =)



amooo vc =*******

Anita disse...

Oi linda vim só dar os bons dias e desejar-vos um dia muito abençoado.
Beijinhos,
Anita (amor fraternal)

Marlene Maravilha disse...

Quanta sabedoria! Ainda bem que nao necessitas dos óculos para adora-lO, porque o teu amor está no coração! Lindo testemunho!
beijos

Raquel disse...

O melhor é mesmo quando nos focamos apenas N'Ele!

Adriana disse...

muito bonito.

Lola disse...

uma vez eu fui numa igreja onde só havia um órgão para o louvor e uma bateria que ninguém tocava...

pra nós que temos um louvor com todos os instrumentos parece uma coisa absurda,mas pra aquela gente aquilo não fazia a menor diferença.estavam adorando à Deus e é isso o que importa!!

pois é...devemos parar de nos preocupar no som que está ruim,ou que o instrumental está ruim...é deus a nossa platéia,não é?


bjs

Juliana disse...

Quando as coisas são para louvar a Deus, nem os "óculos quebrados" podem atrapalhar!

bjsss